Mensagens

A mostrar mensagens de Novembro, 2016

Viajando em mim e fora de mim

Imagem
Estar e não estar


Entro no autocarro e deixo-me para trás. Deixo tudo o que conheço para trás, nem que seja por alguns minutos. Entro e sento-me. Sento-me e instalo-me. Instalo-me fora de mim, naquela escuridão que me envolve, que me acaricia e que me diz que vou estar sozinho. Eu a sós comigo mesmo.    O autocarro começa a andar e eu já sei que deixei tudo para trás. Os barulhos do motor, as luzes na estrada e os edifícios que me acompanham até chegar ao meu destino são tudo o que eu tenho. São tudo o que eu quero ter. Não quero ter nada, possuir nada, ser nada. Quero estar e não estar. É isso mesmo. Eu estou e não estou. Estou ali dentro e, no entanto, não estou em parte alguma. O movimento constante obriga-me a não estar, mesmo que ali esteja.    É isso que eu amo numa viagem. É esse estar e não estar, esse encontro de mim comigo mesmo graças ao facto de eu não estar onde estava ou onde costumo estar. A escuridão envolve-me e embala-me como se eu fosse uma criança e, na realidade, eu…